quinta-feira, 20 de novembro de 2014

A minha veia para criar pão

Olá amigos e amigas!!

Rara é a semana em que não faço uma ou duas vezes pão. Ontem voltei a fazer...ficou uma delícia!!

Baseei-me na receita do pão da Isabel,  mas fiz umas variantes...em vez do óleo quente, coloquei meio pacote de natas que tinha aberto (  para aproveitar), e em vez do açúcar, coloquei 1/4 de lata de  leite condensado que tinha aberto, ( também para aproveitar).
E em vez da saqueta de Férmipan, usei um paralelepípedo de fermento fresco para pão. (25 gramas)....o resto foi igual.







1 ovo grandinho à temperatura ambiente
1 cubo 25 gramas de fermento de padeiro fresco
1/2 copo de leite condensado light morno
1/2 copo de natas morno
1/4 copo leite morno ( usei para tirar o resto das natas do pacote que tinha aberto no frigorífico e do resto da lata de leite condensado)
1/2 colher chá de sal, usei marinho
150 mililitros de água morna
100 gramas de farinha de arroz
100 gramas de amido de milho
400 gramas de farinha ( precisei de um pouco mais para enfarinhar a mesa e o rolo e para desgrudar a massa das mãos. Mas se colocarmos muita a massa fica mais dura,  por isso segui à risca as porções, e o método tal e qual, como a Isabel mostra no vídeo. Para dizer a verdade, vi o vídeo duas vezes e agora sei de cor... ( como referi no post do Pão da Isabel).


 Os ingredientes líquidos



Os ingredientes secos.

Depois é seguir como  coloquei no post do Pão da Isabel. Recomendo a verem o vídeo, o segredo está em sovar a massa por pelo menos 15 minutos e sempre  na mesma direcção, ou seja, estender e dobrar no sentido do nosso corpo, do nosso coração. O  corpo irradia energia, e vai para o que fazemos com carinho e amor.

Untei a forma com azeite e dei uma volta ao pão, assim ele ficou lubrificado e não vai pegar à forma  quando crescer por mais meia  hora.




Aqui o pão já enrolado e a levedar mais meia hora.


O que deu a massa, um pão grande e quatro mais pequenos, que pode cortar ou fazer com o formato que quiser.



Já  levedado e pronto a entrar no forno.





Ficou uma verdadeira delícia!!




Escusado será dizer que foi provado  pelo fim da noite, a acompanhar um chá de limão e mel.





Muito macio e muito agradável!!




Recomendo, façam pão em casa, podem dobrar ou triplicar e depois podem congelar! Recomendo que congelem cortado às fatias e não muitas em cada caixa. as necessárias para fazer uma refeição. Basta colocar um minuto a aquecer...!!

Sem comentários:

Enviar um comentário